Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de 2009

Em 2010 serei uma lontra

Tenho a dizer que aqui em casa anda tudo muito enjoado. O pai porque deve ter comido frango com salmonelas, já no dia 23. A mãe, por qualquer razão que desconhecemos, também não faz outra coisa senão estar maldisposta como um perú. Por tal motivo, resta-me comer sozinha tudo o que é doces e bolos que sobraram das festividades natalícias...é uma pena se se estragarem.
O que eu não faço a bem desta família.

(...)

Hoje foi o funeral do avô da minha amiga.
Percebemos que já não somos pequeninas quando vamos a casamentos e funerais sozinhas, sem a família. Senti-mo-nos ainda mais responsáveis porque sabemos que neste último caso não há volta a dar e que a dor da nossa querida amiga vai atenuar mas não vai passar, porque nunca esquecemos aqueles de quem gostamos. Ficamos com a certeza que há alturas na vida em que somos nós e só nós, a única pessoa com quem podemos contar, porque não há palavras que nos tirem a dor...ficamos, de novo, desiludidas, por ver que, mais uma vez, precisamos de um beijo, de um aperto de mão e de um abraço forte, e dos nossos amigos não está ninguém presente.
Não sei o que a S. sentiu, mas daqueles que considera amigos de sempre, só estava eu, na capela, na missa e no funeral. Estar presente não significa gostar ou sentir mais. Para quem morre penso ser indiferente se foram 5 ou 50 ao funeral...mas para quem fica, ajuda ter um amparo para os momentos difíceis que se avizi…

Nesta época piora

Há pouco mais de meia hora faleceu o avô de uma querida amiga minha. Este ano não está a ser famoso não...Ainda por cima, foi de repente, sem ninguém contar nem nada que o fizésse adivinhar. A juntar ao ramalhete, é Natal, o que, neste caso, ainda consegue tornar o sentimento mais doloroso.
Amanhã, mais um dia na capela...o sacristão e a senhora que fecha a dita já me conhecem, o que não é nada bom sinal. Arre...

Porque pelos vistos este blog é um bocadinho fofo

A Cinderela decidiu oferecer-me um presentinho de Natal (este que está aqui ao lado!:)
As regras dizem para...
a) Oferecer o selo a outros 10 blogs;
b) Informar os visados;
c) Dizer o que achei do selo;
d) Deixar um comentário no blog de quem me deu o selo.
a) Aqui vai, mas só para uma meia dúzia de eleitos...:)1. às 9 no meu blog2. I'm not lost...Just Undiscovered!3. I'm in love (:4. Guia das Mulheres para Totós5. Breathing Feelings6. Laranja ó Chocolateb)Done c) Parece-me muito simpático e com cores de Primavera (este frio já ía embora...)d) Vou já tratar disso!

A preguiçar a partir de hoje

Ainda não estou bem de férias de Natal, mas passei a duas das três frequências que me tinham corrido mal. 14 não é grande nota mas deu para desenrascar e, portanto, só me falta uma para estar completamente de férias...vamos lá ver se vou ter sorte pela terceira vez na mesma semana.
Já o Terapeuta que nos dá aulas de Gaguez, foi um querido e vá de me presentear com um 17, pois que gostei, estamos em época natalícia e há que ser generoso.
Outra coisa que também me deixou feliz, foi ter tido 18 na parte prática do estágio...agora a enjoada da senhora que vai corrigir a parte teórica, vai estragar-me a média, como sempre, mas paciência, até lá, estou satisfeita!:)

O prometido é devido ;)

Em resposta a este desafio que a Cinderela me enviou há uns dias (largos...lol).

O objectivo é completar as frases e levar o selo que podem ir buscar ao maravilhoso blog dela (se não conhecem, passam a conhecer, que só têm a ganhar) porque, como sabem, eu continuo sem conseguir colocar aqui imagens...
Ah! É suposto continuarem o desafio e passarem-no a mais 5 blogs!:)
Cá vai:

Eu já...caí no mesmo erro três vezes, e não fiquei infeliz.
Eu nunca...vou gostar de matemática, de batatas assadas, de ouvir a minha mãe dizer "Oh D., dá lá um beijinho à senhora que ela gosta tanto de ti!".
Eu sei...que um dia, seja quando for, vou-me encontrar com Eça de Queiróz e dizer-lhe que adorei Os Maias!:)
Eu quero...viajar este ano e não deixar passar mais 365 dias da minha existência sem sair daqui.
Eu sonho...ser uma Terapeuta da Fala famosíssima pela descoberta de uma qualquer terapia que cure pessoas afásicas!:)

Então, a última parte...a passagem de testemunho...e os 5 contemplados são (rufos …

2 em 1

Num dos programas da manhã:

Repórter: "Então, já escreveste a carta ao Pai Natal?"
Criança: "Siiiiiimmmm!!"
Repórter: "Muito bem!E podemos saber o que pediste?"
Criança: "Pedi duas irmãs gémeas e uma caixa de Ferrero Rocher!"

Teve muita piada!:) Eu a irmã, ou o irmão, pedi muitas vezes (não resultou...), mas nunca me lembrei de lhe adicionar uma caixa de chocolates!lol

Ainda a gata O.

Decidi aproveitar a manhã do feriado para fazer a árvore de Natal. Um pequeno senão...a gata O. nos seus tempos livres adorava andar a passear-se pelo sítio onde estas e outras decorações estão guardadas. Resultado: hoje andei 2h à procura da terceira perna da árvore, sem a qual pô-la de pé é impossível...nem vos conto onde é que a O., um animalzinho cheio de imaginação, a foi esconder.lol
Saudades tuas, pequenina!

Era para ir, mas não fui

Já aqui tinha dito que ia estagiar para uma Unidade de Apoio a Surdos. Hoje, ainda com o enjoo mal curado e dois comprimidos para me aguentar em pé, lá fui eu. Chego ao dito sítio e vejo que tem jardim-de-infância...óptimo!:) Entrei, apresentei-me, disse ao que ía, e uma funcionária muito simpática disse-me com o ar mais misericordioso do mundo: "Oh menina..está tão pálida...olhe, sente-se que é para não tombar...tenho uma coisa para lhe dizer...a menina não vai poder fazer o seu estágio aqui, a sua orientadora está doente e já não vem esta semana!"
Acho que passei de pálida a vermelho fúria...liguei para a faculdade, onde ninguém sabia de tal acontecimento (já é costume não se saber de nada ali) e pediram-me que lá fosse. Atravessei a cidade, de novo, com náuseas, e quando lá chego dizem-me: "Olha, se fores a correr, ainda apanhas o autocaro que vai para Viana! Há lá um estágio para ti!!" Pois, claro que há, deve haver deve, digo eu, mas eu é que não vou demorar 3h…

Mas tinha mesmo de ser agora?

Devo dizer que a frequência de hoje de manhã correu muito bem.:)
Cheguei a casa à hora de almoço e pensei que ia ter uma tarde santa, a recuperar o sono perdido...não aconteceu. Vá-se lá saber porquê, estou com alguma febre e farta de vomitar...isto não está a correr nada bem, sobretudo porque 2f começa o estágio e eu não tenho como faltar, dado que isso implicaria perder o trabalho deste trimestre todo. Vamos ser positivos e pensar que amanhã isto já vai estar resolvido.
E agora vou deitar-me, que o meu estômago não está para grandes balanços...

Só mais um bocadinho

A última frequência no sábado e depois uma semana de estágio e elaboração do respectivo relatório. E a colaboração no projecto de Comunicação Aumentativa e Alternativa. E depois, estarei de mini-férias...e poderei dormir mais de 4h por noite.
Ah pois...que Terapia da Fala não é para meninas...lol como diria alguém "Isso agora foi de homem, D.! Tás no caminho, miúda!":) Pois, vamos lá ver é se não me perco a meio do percurso, com o sono!

UAS

E pronto, assim foi mais uma distribuição dos locais de estágio...eu tentei, como já ando a tentar há resmas de tempo, ir para um serviço de Neurologia, estar em contacto com pessoas afásicas, que só por acaso, até é o tema do meu projecto de investigação. Mas não, as terapeutas cismam em adiar a minha vontade...desta vez vou para uma Unidade de Apoio a Surdos. Vamos lá ver o quê que vai sair dali, pelo menos treino a minha Língua Gestual, que já está MUITO enferrujada.:)

Descobrimos as maravilhas da cafeína...*

Meio litro de Coca-Cola e os trabalhos são todos despachados a cem à hora. Vai-se a ver e ainda conseguimos entregar os trabalhos de grupo no tempo previsto.lol
Amanhã vou saber onde vou estagiar a partir de dia 30...nervoso miudinho!

*O meu grupo é impecável, temos acordado todos os dias às 6h da manhã, temos aulas e depois ficamos atrabalhar até por volta das 1h da manhã. É a única forma de conseguirmos ter tudo pronto nas datas previstas...por favor, não nos digam que a cafeína faz mal...é só por mais uma semana e prometemos que a partir daí regressamos à água!

Report de um casamento

Nem sei por onde começar.
A família da noiva não suporta o noivo (e o noivo é uma pessoa impecável); a familia do noivo chegou em peso da aldeia, todos muito humildes, extremamente simpáticos e cheios de vontade de conhecer as pessoas que, tecnicamente, os deveriam ter acolhido da melhor forma. Não aconteceu.
Na casa da noiva, a bagunça total...ninguém se preocupou em arrumar as divisões, colocar umas flores...nada. Tudo muito frio, tudo muito asséptico. A irmã da noiva aos gritos lancinantes, porque tinha uma meia rasgada. O fotógrafo aos gritos com a noiva porque não havia um único sítio em condições para que ela pudesse tirar as fotos. A noiva quase em lágrimas, porque não merecia aquilo. A costureira, fantástica, é que deu um jeito na casa, vestiu a noiva com todo o carinho e meteu aquela gente na ordem.
Apenas o avô da S. lhe disse que ela estava muito bonita...o resto da família deu a entender que estava ali a fazer o frete.
Pelo que a costureira contou, a S. só sorriu de verdad…

Breve mensagem ao S.Pedro.

S.Pedro, querido, será que pode fechar a torneira e a porta? É que amanhã é o casamento da S., eu vou de vestido e com uns saltos jeitosos, e com a tempestade de chuvinha e vento que está a cair aqui na terriola, não vai correr bem e eu vou fazer fraca figura...
Faça-me lá esse jeito...Obrigadinha.

Faltam 7 dias...

A minha amiga S. casa daqui a uma semana.
Hoje fui ajudar a costureira a passar o vestido de noiva a ferro, porque a cauda é tão grande que uma pessoa sozinha fica enleada nela...parece mentira que uma de nós esteja já prestes a subir ao altar.:)

Simpatia matinal

Ao acordar.6.30h.

Mãe: Ui...que cara...dormiste mal??
Eu: Não...dói-me muito a garganta...vê aqui se achas que está inflamada.
Mãe (espreita...espreita mais uma vez, analisa bem a situação e com ar muito sério, diz): Eia...ca ganda amigdala!:)

E achou imensa piada!Nem sequer pensou que eu poderia asfixiar por estar com as amigdalas do tamanho de almôndegas!Isto...
Já decidi, vou passar o fim-de-semana todo na cama a curar a"ganda amigdala"!:p

Mesmo o final da história

Hoje fui pagar à veterinária. Ontem nem tive capacidade para perguntar quanto era, nem o que fazer com a O. Foram 100€...já com os 15 € da cremação. A minha ideia era espalhar as cinzas da O. no nosso jardim, mas pelo que a veterinária me explicou, ela vai ser cremada com outros gatinhos, porque uma cremação individual ficaria por mais de 200€. Não percebo mesmo nada destas coisas. De qualquer modo, achei que seria mais digna a cremação, do que outro qualquer fim. Fecho definitivamente o ciclo e, neste momento, digo com certeza que nunca hei-de voltar a ter um animal, que não sou capaz de voltar a passar por isto.
Daqui a uns meses, logo se verá...mas O. só houve uma, a minha.

P.S - Obrigada, do fundo do coração, às meninas que me têm deixado palavras de apoio. Eu sei que toda a gente acha que "é só uma gata", mas para mim era (é) muito mais.

A minha O. não resistiu

Morreu hoje, ao final da tarde.
Ontem fui vê-la e parecia estar a melhorar a olhos vistos, muito meiga, já se sentava, pedia festas e miava. Segundo a veterinária, pouco depois de eu ter saído da beira dela, começou a ficar muito agitada e até hoje foi sempre a piorar.
Ao que parece, ontem foi a nossa despedida.
Dói muito...e ninguém merece passar por isto duas vezes em sete dias.
Adeus, minha querida O..

Afinal a O. está viva!!

Afinal, foi só uma pessoa má que sabia que a minha O. estava doente e desaparecida há 3 dias, que achou por bem dizer que a minha pequenina tinha morrido e que os senhores que limpam as ruas a tinham levado. Eu, como é óbvio, não tendo razões para desconfiar, fiquei mesmo convencida que era verdade. Hoje, quando já todas as esperanças estavam perdidas, aparece-me a O. à frente! A coitadinha continua muito doente, depois de pegar nela ao colo e enchê-la com mimos, corri para a veterinária e ela ficou lá internada...está completamente desidratada e tem uma doença que é contagiosa entre os gatos. Ainda não é certo que saia vitoriosa desta batalha, está muito debilitada e a veterinária disse que não sabia como era possível ela estar viva ainda! De qualquer modo, estou com esperança de que a O. continue a lutar e fique boa...caso isso não aconteça, sabemos que estivemos perto dela quando foi necessário e que fizémos tudo para salvá-la. A minha pequenina merece estar rodeada de carinho até …

À espera que esta dor passe

A minha querida gata O. morreu ontem ao final da tarde. Estou desolada, não consigo parar de chorar. Como é comum nos gatos, esperou que eu não estivesse por perto, saiu de casa e foi morrer afastada daqui...até agora ainda não a encontramos. Já percorremos todos os quintais, todas as ruas...tudo, e não há sinal da O. A veterinária diz que fazem isso quando estão muito apegados ao dono e não querem que ele sofra, assim, preferem morrer sozinhos.
Não é provável que esteja viva, porque estava doentinha, ainda ontem de manhã tinhamos ido com ela à veterinária... Não sei se é bonito dizer isto, mas é o que sinto, fico tão triste com esta morte, como com a de uma pessoa. Estou de rastos...toda a casa está assim. Os meus pais mal falam e cada vez que olhamos para os lugares onde ela costumava estar é inevitável chorar. Estamos de verdadeiro luto. Porque a O. deu-nos momentos muito bons, com a sua chegada, com os filhotes, com a sua meiguice, e é por isso que nunca a vamos esquecer. Gostamo…

Das Jornadas sobre Gaguez

Fogo...venho mesmo preenchida, nem consigo explicar o dia óptimo que tivémos hoje! As jornadas foram simplesmente fantásticas!:) Já mencionei que adoro ir a tudo quanto é congresso, colóquio, palestra ou jornada sobre assuntos relacionados com Terapia da Fala??l Não? Então aqui fica a informação!:)

III Jornadas sobre Gaguez

E amanhã, eu e mais 4 meninas TF, rumamos a Coimbra, mais propriamente a Soure, para estarmos presentes nas terceiras Jornadas de Gaguez! Se for como no ano passado, vai ser óptimo e vou aprender imenso (e claro, nós 5 dentro de um carro, é sempre um momento a registar!!:)

Está decidido!

Já escolhi o tema do meu projecto em Terapia da Fala. O trabalhito (coisa pouca...) versará mesmo sobre as Afasias e o seu impacto não só no indivíduo que fica afásico, mas também em quem o rodeia, e mais não digo. Leiam os textos dos próximos capitulos!:)

Descoordenações

Ando intrigada com uma pergunta que toda a gente me faz, ultimamente. Passo a explicar...eu sou assim a modos que descoordenada dos pés. Tem dias que tropeço 4 vezes na mesma coisa. Nas férias, pouco habituada a calçar havaianas, ia ficando sem o dedo mindinho porque bati com ele num parafuso gigante que se encontrava no meio de um passeio...Enfim, há dias que correm bem, mas há outros em que a minha ataxia se revela. Hoje, por exemplo, estava a biblioteca da faculdade cheia como um ovo, cadernos espalhados por todo o lado, pessoas sentaditas a estudar no chão e aqui a inocente da D. abaixa-se para ir a uma prateleira buscar um livro. Até aqui tudo na paz dos anjos. A parte desastrosa acontece quando eu me levanto, já com o dito livro na mão, rodopio em direcção à porta, enlaço o pé num dos múltiplos fios do telefone e aquilo cai, de forma estrondosa, no chão.
A vergonha...o pânico...a vontade de matar muito o telefone. Do fundo ouve-se uma vozinha estridente de um caloiro "Ningu…

O Projecto

Agora lembraram-se que até ao fim do ano tenho de apresentar um projecto em Terapia da Fala, que só por acaso vai ser apresentado a um júri (MEDO!) e avaliado pelo mesmo caríssimo e fofo júri (MUITO MEDO!!). Ora, para não fazer figura de ursa em frente aos ditos, e não cortar pela raíz uma carreira que ainda não começou, ando doida a pensar no tema para o trabalhito...Escolhi a área da Neurologia, que é a que mais me agrada, e dentro desta, as Afasias. A dificuldade agora está em decidir mesmo o que vou investigar ao certo, já que o tema é vastíssimo...Se alguém entendido na matéria tiver sugestões, serão todas aceites de bom grado!:)

Votações

Ao fim da tarde fui votar e tive de empurrar com alguma determinação os boletins para dentro da urna que estava cheeinha! Bom sinal, não é?
Pelo caminho, ouvi a seguinte conversa entre duas senhoras "vendedeiras" de peixe bastante conhecidas aqui na terrinha:

Senhora 1: Então, já fostes meter?
Senhora 2: Tão num havia de ter metido?? Meti nos 3 pró mesmo! E tu?
Senhora 1: Eu meti em 2 diferentes, mas o que interessa é meter sempre.

Estavam a falar do voto, claro.:)

CAA

Estou a estudar Comunicação Aumentativa e Alternativa (CAA). É uma das cadeiras de que mais gosto no curso (embora goste das outras todas e ande, neste momento, apaixonada por Surdez, Paralisia Cerebral e Afasias...pronto, ok, gosto de todas, já se percebeu.lol).
Esta disciplina faz especial sentido uma vez que há um número bastante significativo de pessoas que não é capaz de comunicar utilizando a fala, quer por estarem totalmente incapazes de o fazer, quer por esta não preencher todas as funções necessárias.
Como já acho um tormento quando não tenho oportunidade para falar ou dar uma opinião, posso supôr o desespero de quem não tem sequer hipótese de o fazer porque simplesmente está preso em si ou não tem interlocutor que o compreenda.
Já imaginaram como seria irmos para a China, sem saber o idioma, e ninguém falar a nossa língua nem fazer um esforço para nos entender?Já pensaram no sentimento de pânico de quem quer comunicar um qualquer acontecimento grave e não consegue?Já pensar…

Agenda

E hoje a manhã vai ser passada no sofá, enroscada na mantinha a estudar Neurologia. A tarde será aproveitada para comprar um presentinho de aniversário, que no resto da semana o tempo é pouco ou nenhum e não podemos esquecer os amigos, não é verdade?

:)

Hoje a minha amiga A.R. faz anos! "Num ê?" (piadinha privada...lol)
Parabéns querida, que sejas uma boa T.F por muitas e deliciosas décadas!:)

Todos os dias uma surpresa

Hoje numa aula...

Terapeuta:Vocês nasceram na década de 80, quando a Terapia da Fala ainda não era uma área muito explorada em Portugal...
Colega minha (com ar de indignação): Oh Terapeuta, eu não sou da época de 80! Eu nasci em 1988!

A década de 88 deve ter sido algo extraordinária, de facto...lol

E esta manhã

Surgiu-me uma proposta de voluntariado com idosos...estou a pensar no assunto. É uma questão de ainda conseguir ter tempo para almoçar (não tem sido fácil...lol), mas parece-me que vou aceitar. :)

É bom, não é?

Ainda hoje é o segundo dia de aulas e já andam todos rabugentos porque as aulas entramos às 8h e saímos às 20h e a faculdade está com o ar condicionado avariado e todos nós parecemos chegados de uma sauna....e também porque se espera 40 minutos por um almoço na cantina e quando, finalmente, é a nossa vez a comida esgotou. É compreensível o estado de espírito...Mas estou feliz na mesma, porque se presencio isto tudo é porque estou lá, e isso faz-me dizer um "Bom-dia!!" cheio de ânimo, que põe os outros a sorrir, mesmo quando acordei às 5.30h para estar ali a tempo da aula começar!:)

Aventuras terapêuticas I

Não, não é o pai que é lerdo (será que é pai...?), é a criança que tem um nível de representação simbólica muito à frente. Reparem como aponta para as letras do jornal...lol Ser um geniozinho também pode trazer problemas durante o acto comunicativo. Hoje estivémos 2h à volta deste vídeo!As expressões faciais do miúdo são deliciosas.:)

É inevitável

Hoje é o meu último dia de férias. Amanhã começam as aulas, os dias em que se passam 15h fora de casa, os combóios, os Metros, a correria do costume.
É o 3º ano aí à porta...e eu não o posso deixar pendurado.

Já é costume

Tenho aulas na segunda-feira e ainda não estou matriculada. Porquê? Porque não. Porque ainda não decidiram em que data é que é suposto fazer a matrícula.
Já saiu o meu horário e é ainda mais péssimo do que o costume. Porquê? Porque vou ter aulas ao sábado.

É assim.

Desculpem, mas hoje vai ter de ser

A cada reinício de qualquer coisa, uma nova lembrança. Um novo ano lectivo está aí à porta e é inevitável que faça balanços. Há um ano, por esta altura, a minha avó ainda estava viva e nada fazia supôr o final. Há um ano, o meu avô era o homem austero de sempre, e não havia menção de vir a ser a pessoa frágil e carente em que se tornou.
Há um ano estávamos nós, felizes, em processo de redescoberta, três anos depois de uma tentativa falhada. E desta vez estávamos todos, eu, tu e a depressão em que te encontravas mas que eu não sabia existir.
Há um ano eu era mais esperança do que pessoa, sem ver o que já estava a descoberto há muito, disposta a abdicar do que fosse porque "agora é que é mesmo a sério". Mas não foi. Desististe a meio, como sempre. Pus-me nas tuas mãos e deixaste-me cair. De novo. Por medo, por "e se...". E mais uma vez fiquei com o barco e com os remos, incapaz de os utilizar para ir para a frente, enquanto tu te afastavas. Imóvel de ternura, de senti…

Este é O questionário

Ora aqui está um questionário que eu vi no blog da Miúda das Letras e que achei divertido de responder! Eu sei que é um bocadito extenso...mas experimentem!:)

Parte I
Escolher uma música mágica: Chasing Cars - Snow Patrol
Filme mágico: A Bela e o Monstro (era para ser mágico, não era...?:)
Viagem mágica: Todas as que ainda não fiz e que hei-de fazer...
Maquilhagem mágica: Base, máscara e gloss.

Parte II - mencionar três desejos:
1. Ser feliz
2. Ser uma boa Terapeuta da Fala
3. Fazer os outros felizes.

Parte III:
Casada? Não...ainda é cedito...
Filhos? Espero que sim, um dia...
Fumas?NÃO! E detesto o cheiro...
Bebes? Água e sumos afins.E Pleno, resmas de Pleno....lol
Compulsão por algum alimento? Biscoitos...
Frio ou Calor? Ameno
Doce ou salgado? Doce
Profissão? Aspirante a Terapeuta da Fala
Último filme visto? "A minha vida em ruínas"
Série: Anatomia de Grey, Anatomia de Grey, Anatomia de Grey...
Dia mais importante? Não sei se foi o mais importante, se calhar foi...mas dos mais felizes, concert…

Acho que já todos sabem

...que o Leixões ganhou por 3-1 ao Guimarães, não é preciso eu dizer!;)
E durante o jogo aprendi imenso vocabulário novo com as senhoras que estavam sentadas ao meu lado e cuja voz era tão estridente que a iluminação do estádio teve muitas dificuldades em não se estilhaçar em pedacinhos.
Ficam portanto a saber que as palavras "desinfeliz", "astróideu" e "úrcera" são imensamente utilizadas no contexto futebolístico, da seguinte forma: "Não jogas nada, és um desifeliz!!" ou "Olha-me o astróideu do árbitro...ele não vê que é fora de jogo??" ou ainda, "Só falhas golos!És uma úrcera nessa equipa!" (tecnicamente, pronuncia-se úlcera...)
Mais instruídos agora? Eu também fiquei...:)

De repente...

...estou aqui a magicar que não era mesmo nada mal pensado eu um dia destes (talvez daqui a 10 anos, quando o mundo da Terapia da Fala já não me conseguir aturar...lol) tirar o curso de Medicina Veterinária...E vocês, que projectos gostariam de realizar nos próximos 10 anos?:)

O destino é lixado

Ontem encontrei-o.
A nossa vida é isto, quando menos esperamos, damos de frente um com o outro. Bom, como não foi exactamente cara a cara, eu estava um pouquinho atrás e a estação de Metro estava cheia, ele, que me viu primeiro (é sempre...sou uma toupeira, nunca vejo nada primeiro do que outra pessoa) fez de conta que não reparou que eu estava logo ali e entrou no primeiro Metro que lhe apareceu.
Eu petrifiquei, perdi o Metro, fiquei a transpirar por todos os poros. Ele ficou lívido, pálido, praticamente transparente.
Sempre tivémos reacções muito diferentes e o facto agrava-se e torna-se ainda mais constrangedor se estivérmos há 5 meses sem nos vermos e sem nos falarmos.
Não foi agradável, mas continuo à espera de uma explicação, e desta vez até pode ser numa paragem de autocarro, para variar.

Mais alguém achou estúpido ou fui só eu?

Uma reportagem que deu ontem num dos telejornais da noite, acerca de uma coisa que agora existe e que se dá pelo nome de "depressão pós-férias" ou algo que o valha??
É que só o tema já é de extrema importância, e depois ainda vem uma iluminada qualquer a dizer (as palavras podem não ser exactamente estas, mas a ideia é): "Ah e tal, fui passar 3 semanas de férias aos Açores e agora voltei ao trabalho e até me sinto mal quando tenho de acordar cedo, e nem me apetece comer..." e tudo e tudo...um drama. E depois vem outra, igualmente frágil, e diz esta pérola que me pôs as repas ainda mais em franja "Quando o despertador toca às 8h da manhã parece um pesadelo!"
Portanto, às 8h da manhã...a criatura tem noção que mais de metade dos seus concidadãos às 8h da manhã já estão porta fora a correr para o trabalho/levar os filhos à escola/apanhar transportes públicos para chegar ao destino?? Será que têm conhecimento que há quem não tenha férias ou simplesmente esteja…

O primeiro presente!:)

A Cinderela, cara colega autora do blog estoriasdacinderela.blogspot.com, presenteeou-me com o selo todo catita que encontram aqui ao lado e que como podem ler, diz "Este blog faz-me voar".:) Agradeço desde já a lembrança!
Segundo percebi, é da praxe passar a outros 5 cantinhos, então, aqui vai:

Por cima de mim abaixo - porque a autora escreve lindamente e tem óptimos gostos musicais;Bolinhas de sabão e outras sinfonias - porque a Clave de Sol é a minha primeira (e única...lol) seguidora oficial;Guia das Mulheres para Totós - a Belota é o máximo a escrever, acho sempre imensa piada às peripécias dela!; O blog das 3 alminhas - sou solidária com os tormentos que passam com os vizinhos porque eu também moro numa rua assim...:);I'm not lost...just undiscovered - porque com tanta dedicação a Miúda das Letras vai ser uma grande grande jornalista!Quanto aos três desejos...O primeiro é que os que me rodeiam estejam bem e sejam felizes; o segundo é que este 3º ano na aventura da Te…

in memorian

Hoje uma das minhas gatinhas filhas da O. foi atropelada e morreu.
Eu sei que é um gato, não é uma pessoa, mas não consigo parar de chorar pela minha menina preferida. Estou desolada.

Preciso urgentemente...

...que me saia o Euromilhões, o Totoloto, a Lotaria ou outra coisa qualquer...os tempos estão difíceis e eu tenho uma gata adulta, com gostos caros, e duas gatas bebés, com necessidades básicas a suprir, para sustentar.

Don Rodrigo

Docinho tipicamente algarvio, composto de fios de ovos e doce de amêndoa.
De aspecto inofensivo, embrulhado em papéis de chumbo de cores encantadoras, faz cair em tentação as inocentes visitantes que se deslocam a terras de sul.
Amigo íntimo das calorias e personal trainner da celulite, é contra-indicado para quem deseja manter ou perder peso.
Avisem as vossas amigas, para que mais ninguém, além de mim, seja atacado por esta vil sobremesa.

Da chegada e afins

Desde ontem que não faço outra coisa senão pôr roupas a lavar. Esta coisa de chegar de férias tem que se lhe diga. A gata O. recebeu-me mal, apesar de a ter deixado muito bem entregue e com imensos petiscos para lhe irem dando ao longo da semana, quando eu cheguei veio a correr para mim, cheirou-me, deu-me uma trinca na mão e virou-me as costas (ou a cauda...), mas hoje já fizémos as pazes.lol As pimpolhas, estão enormes, cresceram imenso nestes 7 dias! Hoje vou levar mais uma à sua nova dona, com quem vou poder ter contacto, porque mora aqui pertinho. Ainda assim, fico com duas gatinhas para dar...espero que apareçam interessados rapidamente, senão as minhas queridas vizinhas soltam-me os cães. E já que falamos em animais...também já tenho uma mini-quinta no facebook. Mini porque ainda só sou proprietária de 4 canteiros de morangos, 1 de trigo e 1 de ervilhas.lol A verdade é que só comecei hoje e ainda não sei funcionar muito bem com aquilo, a modos que o dinheiro ainda é pouco e não …

Amanhã...

...Vou de férias, e como tal, estou ocupada a tentar meter num só saco um kit de sobrevivência para o que der e vier (roupa, sapatos, vernizes das unhas, livros...essas coisas). Dia 7 de Setembro estou de volta, para contar como foi! Até lá...

Hoje, no salão de estética...

A cabeleireira disse-me "Oh menina, por favor, a menina não tem cabelo castanho claro, isso é um loiro escuro, notoriamente!!". Deve fazer toda a diferença, porque acho que a senhora até ficou um pouco magoada com a minha ignorância! É incrível como ao fim de duas décadas e pouco de existência, ainda descubro estas coisas sobre mim...

O meu avô

O meu avô acha que o lugar da mulher é em casa, a cuidar dos filhos e do lar. O meu avô acha que o homem deve ganhar para sustentar a família, e só em extremíssimo recurso é que a mulher deverá arranjar um emprego. O meu avô acha um escândalo uma mulher ir a um café/esplanada/qualquer outro sítio a partir das 22h. O meu avô acha que as mulheres não deviam conduzir...é uma coisa que lhe faz confusão, e que aceita apenas porque compreende que é essencial no dia-a-dia... O meu avô tem 84 anos. Hoje conheci um espécime de 26 anos que pensa exactamente da mesma forma. Medo.

Acho que ele nunca percebeu isto

"Conta-me, e eu vou esquecer. Mostra-me, e eu vou lembrar. Envolve-me, e eu vou entender ." Confúcio
Detestava (e continuo a detestar!) quando me exclui só porque acha que não é importante contar. Como é que podia não ser importante se fazia parte da vida dele??? Há coisas que nunca hei-de perceber....

Da veterinária

Tal como planeado, o filhote mais clarinho da gata O., foi para a nova casa. Acho que a desnaturada da O. nem lhe deu pela falta. Entretanto fui falar com a veterinária aqui da rua sobre a esterilização da dita, porque ter mais uma ninhada é impensável e, além disso, uma gata esterilizada tem, em média, mais 4 anos de vida. A doutora foi impecável, disse que a O. podia ser considerada uma gata de rua, uma vez que foi abandonada ainda pequena à minha porta, e que como tal, lhe fazia um preço especial, em vez de 130€ pago apenas 80€, já com antibióticos e tudo. E que ela podia ficar internada na clínica uma semana, sendo que eu só tinha de levar para lá a alimentação dela, e que durante esse tempo a podia ir visitar todos os dias. Fiquei mesmo contente, porque segurar a O. em casa durante 7 dias ia ser praticamente impossível, uma vez que ela está habituada a andar a subir os muros do pátio e a vaguear pelos jardins...e só sossega em casa quando lhe apetece...daí a rasgar os pontos era…

Não é pouco, é tudo

Porque o meu sonho era ter uma pequena quinta no meio do Douro ou do Alentejo. Uma casita de campo, vá. Toda branca, uma risca azul ou amarela a toda à volta, um só andar. Um lugar onde os meus pais me pudessem visitar e descansar. E onde eu pudesse ter os gatitos todos com imenso espaço, e cães, e dois cavalos...e duas árvores de cada fruto. Não haviam de faltar maçãs vermelhas, e cerejas, e dióspiros e pêras e uvas. E um canteiro quadrado com ervas aromáticas plantadas. E uma piscina pequenina para os miúdos, nas traseiras. E uma cozinha dos tempos da avó, para à entrada já cheirar a bolos e biscoitos. E muitas flores e cadeiras de baloiço. E uma casinha ao lado, onde pudesse dar consultas de Terapia da Fala a quem precisasse. E ele a chegar, todos os dias, com uma nova descoberta e com aquele sorriso que só ele tem. E eles riram-se de mim, porque não acreditam que seria feliz com tão pouco. Pouco??

Adopção/amadrinhamento

Para as meninas e meninos que me perguntaram acerca da adopção ou amadrinhamento de animais, aqui ficam algumas informações:
Se estiverem interessados em adoptar cachorrinhos, cães, gatos ou gatinhos (até rimou e tudo...lol) este site do Banco Alimentar Animal tem vários a precisar de uma casa quentinha:http://ajudaalimentaranimal.blogspot.com/2009/08/d.html Há também o Refúgio das Patinhas (que não chega para as encomendas, com tantos animais que lá vão parar) já mencionado aqui no blog: http://www.refugiodaspatinhas.org/ Outra forma de ajudar, é com a doação de medicamentos. Uma das associações que se encarrega disso encontra-se no endereço: http://www.patavermelha.com/ Existem concerteza centenas de outras instituições ou voluntários, mas aqui encontram-se aquelas que melhor conheço, especialmente o Refúgio, cujo trabalho e dedicação são, de facto, de louvar.
Além de adopções e amadrinhamentos, são sempre necessárias mantas, passadeiras, detergentes para lavar o chão, camas ou transport…

Nuno Lobo Antunes escreve estas pequenas maravilhas...

"... A minha estrela apaga-se no instante em que te amo, e com ela a vida e o tempo. Resta Deus, ou o que acho que Ele é. Ou então a gratidão de existir, existindo perto de ti. Não há nada igual. Não te tenho porque és abstracta. Não existes porque não me é permitido, ou nunca me foi permitido um instante assim. (...) Queria dizer-te quanto te adoro quando me dás um bocadinho que seja da paisagem perfeita de que és feita. (...) Tudo isto para dizer, mais uma vez, só mais uma vez, que te amo. Como uma bênção, como um perdão, como um sorriso ou outra coisa quente que fica, perene, na nossa memória ou na nossa vida."

in Sinto Muito

Terminei o livro há uns dias, e ainda ando a "digeri-lo". Adorei.

A-minha-condução-é-digna-de-se-ver

Ontem as pessoas daquela pacata aldeia de Guimarães, viram o que nunca pensaram ver...euzinha, a (tentar) conduzir uma moto 4...lol Foi certamente um espectáculo inesquecível. É sempre assim quando tento conduzir uma máquina, à excepção da bicicleta (para a qual tenho imenso jeito e que nem sei se é considerada uma máquina...hummm...não deve ser!lol). Foi uma experiência divertida, especialmente porque saímos todos de lá vivos (eu e os incautos que quiseram andar comigo por aqueles caminhos de cabra) e porque continuamos todos amigos (no lugar deles nunca mais me quereria ver à frente). Definitivamente, acho que nasci para andar a pé, ou então para ter motorista.lol

Só nosso

Como sempre, só quando as pessoas morrem é que se fazem grandes documentários sobre elas e se prestam as maiores homenagens...como diz a mãe, depois de morrer somos todos bons.

Inacreditável

Acreditam que me abandonaram mais uma gatinha à porta de casa? Não acho normal...cada vez gosto menos de pessoas...quando não dá jeito, deixa-se o animal em qualquer sítio e está resolvido o assunto. Parece impossível.

Leituras

Ando a ler o "Sinto Muito", do Dr. Nuno Lobo Antunes e estou a adorar...é de um humanismo que merece reflexão. É a visão de um grande médico, que transparece aqui também numa grande pessoa... A juntar a tudo o resto, o prefácio é do Dr.António Damásio. Vale mesmo a pena ler. "O verdadeiro milagre do amor, não é o poder curar doenças insanáveis, mas adorar para além das palavras, quem é diferente, mais frágil, e muito nosso".

Não me parece nada bem...

...que eu tenha seis gatinhos para dar, todos lindos de morrer, e que as pessoas que vêm cá vê-los queiram ficar todas com o mesmo! Podiam ser mais democráticos...os outros até se devem estar a sentir rejeitados, pobrezinhos...

A propósito

Mande notícias do mundo de lá
diz quem fica
Me dê um abraço,
venha me apertar
tô chegando
Coisa que gosto é poder partir
sem ter planos
Melhor ainda é poder voltar quando quer
Todos os dias é um vai e vem
a vida se repete na estação
Tem gente que chega pra ficar
Tem gente que vai pra nunca mais
Tem gente que vem e quer voltar
Tem gente que vai e quer ficar
Tem gente que veio só olhar
Tem gente a sorrir e a chorar
E assim chegar e partir
são só dois lados da mesma viagem
O trem que chega
é o mesmo trem da partida
A hora do encontro é também despedida
A plataforma dessa estação
é a vida desse meu lugar
é a vida desse meu lugar
é a vida...
Encontros e Despedidas Maria Rita Uma das que mais gostei de ouvir ontem...

Last night - parte II

Ontem, mais uma vez, concerto de entrada livre em Matosinhos, perto da praia.
Maria Rita...gostei bastante, a voz é fenomenal, com alguns traços da mãe, a eterna Elis Regina. Só não percebi porque não cantou as duas canções mais conhecidas, a "Festa" e "Cara Valente"...soube bem, mas soube a pouco.
E depois ficámos no carro, as três meninas a conversar, acerca de viagens de finalistas e de como as pessoas mudam conforme o local. E depois apenas as duas...que somos como irmãs, desde sempre, a conversar aqui na porta de casa, sobre aquilo que nos vai na alma.
Tudo, até às 3.30h da madrugada.

O estado de espírito desta semana tem sido este...

It's been seven hours and fifteen days
since you took your love away
I go out every night and sleep all day
since you took your love away
since you've been gone
I can do whatever I want
I can see whomever I choose
I can eat my dinner in a fancy restaurant
but nothing
I said nothing can take away these blues,
because nothing compares
nothing compares to you
it's been so lonely without you here
like a bird without a song
nothing can stop these lonely tears from falling
tell me baby where did I go wrong
I could put my arms around every boy I see
but they'd only remind me of you
I went to the doctor guess what he told me
guess what he told me
he said girl you better try to have fun
no matter what you do
but he's a fool
'cause nothing compares
nothing compares to you
all the flowers that you planted mama
in the backyard
all died when you went away
I know that living with you baby was sometimes hard
but I'm willing to give it another try
nothing compares
nothing compares to you.
Sinead O'C…

Do casamento e coisas que tal

A minha querida S., que casa dentro de pouquinhos meses, anda com a cabeça à roda. Por sua vontade casava de calças de ganga, meia dúzia de pessoas chegadas, que ela não é muito dada a festivais e ostentação, e estava tudo óptimo...mas a restante família, e o noivo, adoram sobretudo a parte "festivaleira" da coisa.lol
Ontem pediu-me que a fosse ajudar a vestir na manhã do casamento. Perguntei porquê, uma vez que o casamento é cedo e não sei se me dá tempo de me preparar a mim e depois ainda a ir preparar a ela...e ela respondeu-me: "Para me lembrares de quem sou e que a razão pela qual estou a casar é porque gosto mesmo dele...e isso para mim chegava, não era preciso estar a prová-lo a esta gente toda. Porque a madrinha dos meus futuros filhos tem de estar presente num momento em que não vou ser eu, a S. que conheces, que vai estar ali. Preciso que me prendas à Terra para não sair a correr em pânico por ter tantos olhos fixos em mim. Então, vens?"
Quer dizer...claro …

Aceita-se:

Programação cultural, sugestões de passeio, eventos gastronómicos, exposições de pintura, escultura, apresentações de livros, feiras regionais, etc, etc, etc e outros que tais!
Ajudem a tornar o meu mês de Agosto num mês interessante.
Desde que dê para ir de comboio, vou a todas.lol
Vá...forneçam ideias, contribuam para a causa!:)

A Passadeira

Chego a casa, vinda da praia. Assim que entro, sinto um cheiro invulgar a tinta e o pai aparece todo sarapintado. Orgulhosíssimo por ter pintado a cozinha. Segue-se o diálogo:
Pai: Essa passadeira está sacudida?
Eu: Ah...se tu não a sacudiste, não está...não sei se reparaste, mas estou a chegar neste exacto momento...
Pai: Ah...pois...e agora?
Eu: Agora, sacodes a passadeira ali no pátio.
Pai: Pois é...
(pega na passadeira como quem pega num bebé, olha para a porta, hesitante, dá meia volta e prepara-se para colocar a passadeira na cozinha sem a sacudir)
Eu: PAI!!
Pai: Vai mesmo assim, o quê que tem?? Isto nem está sujo!!
Eu: Claro que está sujo! É uma passadeira, andamos com os sapatos em cima dela, caem migalhas!
Pai (com ar de desespero): COMO É QUE SE SACODE UMA PASSADEIRA???
Eu (aterrada com a perspectiva de alguém ter 56 anos e não saber sacudir uma passadeira): Dá cá, eu faço isso.

Por isto acabar sempre da mesma forma é que ele nunca vai aprender a fazer nenhuma tarefa doméstica, mas enfi…

A culpa é do tempo

Eu juro que tinha mesmo planeado começar hoje o meu programa de exercício para as férias...estava prontinha para acordar cedo e pegar na bicicleta...mas que posso fazer, está chuva, é melhor não ir senão ainda me constipo!:P

O.

A gata O. faz hoje um ano aqui em casa!
Apareceu num dia à hora de almoço, magrinha que só visto...só tinha orelhas...plantou-se na janela do meu quarto e passados 10 minutos já eu estava com ela ao colo.
Muitos episódios se passaram (o furto dos carapaus à vizinha do lado; a entrada incóngita na casa da vizinha da frente e respectivo rasgar dos seus cortinados - por favor, há que reconhecer que a gata não teve culpa...4 pessoas aos gritos, de braços no ar, atrás de uma gata pequena, não podia correr bem! É óbvio que a minha O. se dirigiu logo para a janela, numa tentativa de fuga, só que os cortinados estavam antes e ela com os nervos pendurou-se neles...lol - ; o mergulho em cima da cabeça da minha mãe quando tentou descer a janela da cozinha para chegar às lulas; a vez em que decidiu deitar-se na cama com o meu pai, que meio a dormir e a pensar que quem se estava a mexer era a minha mãe, se pôs a falar para ela acerca do almoço...lol) que tornaram os meus dias mais divertidos. É in…

Question

In some other world, in some other time, could you have loved me?
icanread.tumblr.com

Nota relativa ao post anterior: A garrafa de champagne é só quando atingirmos a centena!;)

Porque hoje está chuva - O Escafandro e a Borboleta

"...No distintivo de identificação pregado na bata branca de Sandrine está escrito: ortofonista (terapeuta da fala), mas deveria ler-se: anjo da guarda. Foi ela quem me instaurou o código de comunicação sem o qual eu ficaria separado do mundo. Infelizmente, embora a maior parte dos meus amigos tenha adoptado o sistema, depois de uma aprendizagem, aqui, no hospital, só posso praticá-lo com Sandrine e uma psicóloga. Na maior parte das vezes, só disponho de um magro arsenal de mímica, piscadelas de olho e acenos de cabeça para pedir que fechem a porta, me dêem um pouco de água, baixem o som da televisão ou me subam a almofada. Ao longo das semanas, esta solidão forçada permitiu-me adquirir um certo estoicismo e compreender que a humanidade hospitalar se divide em dois tipos. Há a maioria que nunca atravessa a soleira da porta sem tentar entender os meus SOS e outros, menosconscienciosos, que se eclipsam, fingindo não ver os meus sinais de aflição.
(...) Para além dos aspectos prático…

Um pedido sério e urgente

Ah...eu PRECISO MESMO que alguma alma caridosa me explique como é que se põe uma imagem aqui! Não é que eu seja assim uma pessoa muito muito limitada (tem dias...) mas é que já experimentei trinta por uma linha e a asna da imagem não me aparece nem por nada!lol
Obrigadinha.

Visões...ou a falta delas.

Ora bem...hoje foi o tal dia da ida ao oftalmologista. A médica ia tendo um ataque...a minha miopia aumentou quase para o dobro, 3,75 dioptrias no olho esquerdo e 2,50 no direito, a juntar à festa, astigmatismo nos dois. Nem se pôs a hipótese de colocar lentes de contacto, porque nunca iria ter a acuidade que tenho com os óculos, e eu gosto de ver tudo muito ao pormenor.lol Desta forma, vou ter de esperar que isto estabilize e andar com estes óculos que toda a gente adora e eu detesto, até poder ser operada. Sinto-me mesmo uma toupeira. Ah, a dona doutora ainda disse "A D. não tem culpa (obrigadinha, doutora, fico muito mais feliz agora)...a miopia é mesmo assim e não há muito que se possa fazer. Quando parar de estudar, isso tem tendência a normalizar."
Espere lá, eu no início da consulta disse-lhe que era estudante de Terapia da Fala...parar de estudar...quando???lol
Hei-de ser avó e a miopia há-de lá estar em força...

P.S. - Ficam desde já a saber que, se forem tão miopes …

-1

Tivémos uma baixa. Passo a explicar, uma das pessoas que ia ficar com um Luizinho, desistiu. Porque "trocar a areia ao gato dá muito trabalho e eu não estou preparada!". Sem comentários. Por esta razão, volto a ter 4 gatinhos para dar.
Outra novidade, é que amanhã vou ter, finalmente, consulta no oftalmologista, sendo que já lá devia ter ido em Setembro do ano passado...mas com as coisas da faculdade e imprevistos à última da hora, fui adiando. A modos que ando a ver tão bem quanto uma toupeira. Posso dizer que amanhã vou ver a luz!:)