Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Fevereiro, 2015

Guilty pleasure

Esta pessoa e as suas músicas. Deve ter a ver com os meus antepassados do lado de lá... :)

É assim mas com mais molho

Entreguei a dissertação em Agosto "ah e tal, tem de pagar uma multa de 60 euros por ter passado 15 dias do prazo de entrega normal...sabe que as defesas têm de ocorrer todas até ao fim de Dezembro, não pode haver atrasos!" Que dia é hoje, mesmo?? Ah...25 de fevereiro... E já fui chamada para defender? Não. Ok então.
Ora, voltamos ao mesmo de sempre...Ele desaparece e eu fico perdida. E escolhe sempre este mês, deixa passar o meu aniversário e esfuma-se sem mais explicações. E eu sei que vai ser sempre assim e também sei que nunca vai mudar e que a culpa não é de mais ninguém senão minha. Não há outra pessoa que me culpe mais do que eu.

A carta

Esta carta publicada por Isabel Moreira no Maria Capaz, sobre a vivência de uma amiga, é um soco no estômago. Como é que é possível existirem monstros assim? É de tirar o sono...
“Tenho 30 anos, sou advogada, entre outras profissões, bem-sucedida, bonita, dizem, casa própria, carro, não tenho de fazer grandes contas para uma vida razoável, uma mulher nascida e criada num ambiente familiar privilegiado, com estudos, com vida, com amigos, com recursos, e um convite para uma exposição de escultura. Vou e encontro pessoas distantes do mundo ideológico que abracei, ouço, como tantas vezes, o conselho: – tens de sair um pouco dos teus ambientes, são perigosos. Tenho um primo muito bonito, gosta de pintar, é artista, olha que coisa de esquerda, a este vais dar uma oportunidade. Rio-me do disparate e conheço o tal do primo, bonito, alto, corpulento, conversador. Tinha o encanto do humor. Fomos jantar duas vezes. Gostei dos lugares. Gostei da conversa. Gostei de recantos. Ao terceiro jantar, tive u…