domingo, 17 de junho de 2012

Que é para aprenderes (a saga)

Sou mesmo bambi... Farta de saber, sempre de pé atrás, conhecendo "do que a casa gasta", acabo por ser amável e fazer o jeito. Andou à minha volta, sempre muito simpática e não sei que mais, e no fim dei-lhe quase uma consulta de borla, ela viu-se de problema resolvido, desapareceu e nem um "Obrigada". Se não fosse da família (estou com ela duas vezes por ano, mas ok) já lhe tinha atirado um ovo podre à testa. Não...não tinha nada. Os bambis não fazem isso.


Sem comentários: