domingo, 9 de fevereiro de 2014

Há 4 dias que não fala comigo e eu sei que está na net. Mandei-lhe mensagem a perguntar se foi raptado por aliens (família, no fundo...porque eu não acredito que ele seja deste planeta...). Tenho a estranha sensação que se quer afastar de novo...como sempre que nos aproximamos, diz que perde o pé e que isso não pode ser. Ainda não percebi porquê...estou à espera da resposta que tarda em chegar, mas se me disser isso, que acha melhor distanciar-se, faço-lhe mesmo a vontade. Há coisas que não podem ser adiadas eternamente. Fico desolada e há 4 dias que me sinto mesmo só. Parece impossível como sentimos tanto a falta das pessoas, mesmo daquelas que não merecem os nossos pensamentos. Não sei o que fazer com isto, estou angustiada, perco o apetite, uma tristeza visível quando olho para o espelho. E uma situação que não pode continuar. Fui avisada tantas vezes - e nem era preciso, porque eu sei quando estou a fazer asneira, nunca perco esse sentido -, a minha intuição diz-me que isto não está certo, não tenho desculpa, e mesmo assim... :(
Parece-me que o conheci cedo demais, que se fosse agora tudo seria diferente. Pode ser só ilusão de quem lá no fundo ainda mantém a esperança...mas não consigo deixar de pensar nisso.
Quem me dera não ter estado naquela festa de passagem de ano, quem me dera nunca o ter conhecido.
 

Sem comentários: