sábado, 9 de julho de 2016

Do Oriente nem bom vente nem bom casamente...

Depois de me ter avariado para todo o sempre o computador de casa e de ter conseguido partir a "dobradiça" do portátil, eis que agora avariou o comando da televisão do meu quarto. Lá fui eu aos chineses mais próximos comprar um compatível. Três euros e meio depois, chego a casa e sento-me muito motivada para a saga de programá-lo com a televisão. Sigo as indicações, tudo muito bem, até que chego à parte em que devo inserir um código com quatro dígitos. Todos os códigos começam por 0. Reparo que o comando nem sequer tem a tecla com esse algarismo. 
Eu atirei pedras à cruz, só pode.

Sem comentários: