terça-feira, 1 de março de 2016

Da Esperança

A G. e o M. vão casar. Aproximam-se a passos rápidos dos 60 anos e cada um deles já passou por um casamento anterior. Ele tem doença de Parkinson, ela luta contra um cancro da mama. Ela tentou o suicídio, após anos de violência doméstica com o ex-marido, mas um anjo viu quando ela se atirou da ponte e entrou no rio, foi buscá-la. Salvou-lhe a vida. A vida que ela agora vai partilhar com o M., no papel, porque na realidade já partilham a casa e o coração há alguns anos.
A G. é minha amiga, o M. é meu doente...o destino juntou-os e nós ajudámos, demos o empurrãozinho que faltava.
Eles são a prova que nunca é tarde para dar a volta ao texto, são testemunhas de que não sabemos o que de bom nos está reservado.
A história da G. e do M. comove-me, porque era improvável, impossível, e está a acontecer!
A G. e o M. casam amanhã e vão ser felizes para sempre!
 

Sem comentários: