quarta-feira, 29 de julho de 2015

De tudo

Estou a precisar de férias desesperadamente e o pior é que ainda falta um mês para elas chegarem.
A outra criatura falou comigo no sábado à noite e de seguida desapareceu, está sem dar sinal de vida até hoje. Não sei que se passou, se é uma coisa dele, se é por minha causa, não sei. Estou um bocado desolada por causa disso, sinto que não estou bem em lado nenhum, mas também não consigo resolver a situação....não tem obrigação de me dar justificações (tecnicamente), e por isso também acho que não devo pedir explicações.
No meio disto, chegou-me agora uma notícia que me deixou mesmo feliz! A minha prima, mãe de dois pequenos, e com trabalhos precários nos últimos 10 anos, mais uma passagem pelo centro de emprego, enfim...uma licenciada, competente, dedicada que nunca foi aproveitada, arranjou hoje um emprego digno, com um salário decente, com horários que podem ser geridos por si, com um contrato, com carro, com prémios por bom desempenho, num sítio onde se preza um ambiente de trabalho saudável e motivador.
Um bom emprego para uma boa pessoa que merece tudo! Tarda mas não falha, quero acreditar nisso.
 

Sem comentários: