segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Nem sei o que dizer deste ano. Acho que o que mais me marcou foi ter arranjado emprego e poder dizer, finalmente, que sou Terapeuta da Fala. Por isso estou muito agradecida.
Desiludi-me com algumas pessoas que acreditava serem minhas amigas...eu que até sou boa julgadora de carácteres...enfim, antes tarde do que nunca. E também aprendi a ser mais independente, a não dar tanta importância à opinião dos outros porque, em última análise, nas decisões verdadeiramente importantes, estamos sempre sozinhos.
Passei óptimos momentos com os meus primos pequeninos que fazem tudo parecer melhor e valer a pena.
Comecei o mestrado. Ganhei uma bolsa de estudo.
Ajudei os meus pais no que pude, e tive todo o apoio deles também.
Estive ao lado do meu avô.
O resto...o resto não pude mudar, não se dá vida e saúde a ninguém por muito que custe. Por isso, acho que termino o ano com a sensação de dever cumprido.
Que 2013 seja generoso e justo para todos.
 
 

2 comentários:

Maria disse...

Feliz Ano de 2013! Gostei muito e vou borboletar por aqui :))

D. disse...

Obrigada, Maria!:)
beijinhos